O Polvo De Volta Para o Futuro!!!

Amsterdam – Ainda em ecstasy com o triunfo da Holanda Mecânica na Copa da África, comemorei de forma alucinada pelos canais de Amsterdam. Mas agora é hora de pensar no futuro.

Reuni um grupo de comentaristas desempregados (Calazans, Edmundo Animal, Dicró e Agamenon Mendes Pedreira) e bolamos um plano infalível para tomarmos o lugar do Casagrande na Tv Galvão.

Decidimos roubar os poderes mediúnicos e proféticos do Polvo Paul, degustando o sábio octopus grelhado ao azeite e açafrão. Calazans preferia a Oswaldo Aranha com batatas coradas, mas acabou convencido de que o alho poderia afetar as qualidades adivinhas do molusco.  

Porém, quando nos aproximamos do aquário fomos surpreendidos por uma cena de filme. O Polvo Paul estava sendo resgatado do seu tanque pelo ator Michael J. Fox e por um cientista maluco. O polvo fugia carregando nas ventosas de seus tentáculos um almanaque com os resultados de todas as Copas realizadas até o ano 2130.

O trio entrou num carro modernoso, com jeitão de máquina do tempo, e se preparavam para voltar ao futuro, quando o pior aconteceu.

Foram todos rendidos por jogadores do Flamengo que pretendiam seqüestrar o Polvo Paul e obrigá-lo a participar de uma orgia com mulheres frutas, travestis, jabutis e um jegue.

Indignados, resolvemos salvar o bichinho e depois o libertamos na Praia de Ramos, por sugestão do Dicró.

Comer polvo é bom, mas dá muito trabalho, porque o bicho é baixinho, escorregadio e precisa de umas 8 pessoas para segurar o danado.

Frotinha vendeu o almanaque das Copas para Agamenon Mendes Pedreira  

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Faltou a Suécia!!!

 

Fala galera! Mais uma vez foi um prazer participar deste blog com vocês!

Editor, sem essa de “2014 não tem blog” e “o blog é muito pé frio”. O blog é sensacional e em 2014 vai bombar geral! A Copa foi muito boa e venceu a melhor equipe, ficou em segundo a segunda melhor equipe e em terceiro a terceira melhor equipe. Daí pra frente cabe alguma discussão, mas, certamente, improdutiva.

Pra me despedir vou compartilhar com vocês alguns ensinamentos que a Copa deixou:

1 – Bola é tudo igual! São redondas e quando bem chutadas vão a gol e quando mal chutadas não vão a gol. (Claro que tem vezes que ela entra no gol e não é gol porque o juiz entrou na Copa na cota dos cegos)

2 – Franceses são contra aperto de mão, mas a favor do gol de mão.

3 – Argentinos adoram tomar de 4. (vide a recepção calorosa na volta pra casa)

4 – Estudar futebol é perda de tempo. Um polvo sempre saberá mais do que você. (Quantos estudiosos do futebol afirmariam que a Nova Zelândia acabaria a Copa na frente da Itália?)

5 – Dunga ou Telê Santana como técnico é a lesma lerda, caímos nas quartas.

6 – Luciana Gimenez tem uma bela pensão, mas o Mic…(tenho até medo de escrever o nome daquele infeliz de pé gelado) podia convencer o Luquinha a torcer pro english team em 2014.

7 – Minha irmã não sabe fazer cachorro quente.

8 – Entre o Sjneider e o Villa, fico com a Shakira.

9 – O Abreu é mesmo mucho loco. (bater pênalti decisivo daquele jeito tem que ser muito pancada das idéias)

10 – Não ir ao BG depois dos jogos do Brasil não é o fim do mundo. (Calma galera! Momento auto-ajuda. Preciso acreditar nisso!!!)

11 – Apesar da incrível seleção escolhida pelo Polvo Paul logo abaixo, faltou a Suécia nesta Copa… Go Sweden!!!! 

Saudações a todos e até 2014! Comemorar o hexa no maraca vai ser show! 

 Augustinho não é sueco, mas parece. 

 

Deixe um comentário

Arquivado em Vuvuzelos Surdos

É disso que o Polvo gosta!!!

Que mané siri!!! Copa na Veia orgulhosamente apresenta uma seleção escolhida a dedo pelo Polvo Paul… Aproveitem porque está acabando.

  

Deixe um comentário

Arquivado em Animaaaal

Besame mucho!!! Copa Paradiso…

Copa na Veia apresenta os melhores beijos do Mundial… Lá embaixo o video do incrível beijo campeão!!!

  

E agora o Goleiro da Espanha Casillas mostra porque é Campeão do Mundo…

 

1 comentário

Arquivado em Entube

Copa na Geral, muito mais sensacional!!!

Copa na Veia apresenta os geraldinos que não estão nem aí para a Jabulani. O negócio é aparecer!!! Imaginem em 2014…

 

Deixe um comentário

Arquivado em Na Geral

Viva o Polvo Brasileiro!!!

Demorei a mandar a coluna por puro desânimo mesmo. Perdemos, né? E além disso, nosso editor se deprimiu, achou que a culpa era do blog, lançou a pecha de pé frio no Copa na Veia. Decidimos parar tudo até descobrir se rola alguma uruca neste ciberespaço. Se há algum sapo enterrado sob estes pixels, se esse endereço já foi morada do blog do Mick Jagger, se isso aqui era um amaldiçoado cemitério indígena virtual, antes de ser a Copa que não passa na Tv.  

Mas o Copa na Veia não merece nosso silêncio. Logo ele, o blog, que foi nosso companheiro durante toda a nossa luta… Então vamos à análise dos fatos (fatídicos), amigos. Vamos à verdade dolorosa.

Fazendo uma retrospectiva… Repararam que foi só a Folha de São Paulo publicar o anúncio do Extra mandando a seleção para casa antes do jogo com a Holanda, com dizeres africanos e tudo, que nossa sorte começou a virar? Ou melhor: que nossa falta de sorte começou a se acentuar.


O anúncio-fúnebre saiu e a uruca começou: a Chopeira do meu amigo rico foi embora; minha empresa não liberou para o jogo; o Mick Jagger começou a achar engraçadinho assistir aos nossos jogos e ainda levou a criança que tem o pior apelido do planeta (“filho da…. Luciana Gimenez”); Elano foi previamente anunciado como fora de vez.

Para completar, Dunga me aparece no dia do jogo com o casaco do Pequeno Príncipe e a blusa laranja, da cor do adversário e Júlio César, desde o início do jogo, trazia a fisionomia totalmente amarelo-anemia… Eu só lembrava da macumba da avó do Ganso que meu amigo dos drinks com Absolut e sorvete de Something previu…

No 1º tempo, a seleção começa a atacar e manda dois gols, um verdadeiro e um falso. Estaríamos retomando nossa sorte? Pensei que sim!!!! Robinho mostrando todo o gás, parecia que tinha tomado RedBull na veia… Mesmo assistindo no refeitório da empresa, com algumas pessoas que eu nunca nem vi na vida e uma vuvuzela gritando no ouvido, todos nós fizemos uma grande corrente pra frente e nos enchemos de esperança. E eu cheguei a anotar no meu bloquinho que só ia dar Mercosul nas finais da Copa!!!!!

De repente, tudo parecia conspirar novamente a nosso favor e eu já previa a folga de terça-feira para ver uma incrível semifinal e, na sequência, a final contra a Argentina (olha aí a projeção de novo… Ainda bem que não decidi seguir carreira como vidente).

Outro sinal positivo de que tudo ia bem no jogo foi verificar que Galvão, de tanto que mandaram calar a boca, até acabou rouco! O que estaria perfeito, se não fosse o fato de que, mesmo rouco, ele só fala besteira (“Repito que vale vaga”, ele dizia… Mas, gente, quem ainda não sabia disso!?!?).

Foi quando veio o gol da Holanda e a praga ‘amarelada’ das decisões voltou às nossas cabeças em flashback! Já vimos esse filme e também o tal do ‘trailer’ que o Galvão anunciava… Aliás, não é de hoje esse fucking feeling…Meu pai sempre fala que os brasileiros são os melhores do mundo no futebol, mas que em decisões com pênaltis ou com grandes vantagens do adversário, a gente também amarela como ninguém!!

Bom, a macumba pegou e o santo do caboclo ruim bateu novamente no Felipe Melo! O Mick Jagger assistiu ao jogo sem meias. Os nossos garotos fraquejaram, os holandeses rosados viraram guerreiros africanos e a gente deu adeus para o samba e a cerveja da comemoração… Conclamei o Bruno para dar sumiço nos holandeses, mas não deu certo! A laranja mecânica fez suquinho de nós.

O técnico alemão-porcalhão é que tem razão: a gente não tem controle emocional! E como, COMO ter controle emocional com um técnico completamente descontrolado, que soca o ar, xinga Deus e o mundo, compra briga com a imprensa, e tira Fabulous em momento decisivo, sem fazer substituições relevantes – aliás, estou sendo muito gentil nesta frase, não!? Gilberto Melo é quem mesmo???

Em vez de chamar a Mãe Dináh na última coluna eu deveria ter chamado Freud, Lacan, ou qualquer um que pudesse oferecer umas sessões de psicoterapia para esse povo emocionalmente abalado. Lexotan neles, please!  “A gente não prepara o time para perder, apenas para ganhar”, disse Dunga…. Não sei não, mas estou considerando oferecer meus préstimos e vender, além do ansiolítico, um media trainning ou um pacote básico de gerenciamento de crise ou de gestão para esse sujeito! A boa notícia é que agora nem precisa mais. O Escobar, digo, a CBF já demitiu o Dunga.

Perdemos, é verdade. Mas pelo menos também não tivemos que ver o Maradona pelado.

Enfim…

Vou sentir saudades das vuvuzelas.

Vou sentir saudades da Chopeira.

Vou sentir saudades das paródias de Um Dia de Fúria.

Sentirei MUITA saudades da festa toda (caramba, agora só no carnaval!!!????).

E sentirei falta da esperança!!!!! (e olha que eu ainda tinha esperança em Gana!)

Para encerrar minha participação no Copa na Veia (disso, sim, eu sentirei muita falta de verdade, afinal, só mesmo este blog para me fazer acompanhar futebol com tanta paixão), eu queria só dizer que foi mesmo muito bom enquanto durou e que em 2014 não vai ter para ninguém com o nosso time de colunistas em campo.  Porque em 2014, galera… Quem Dungou, Dungou… E quem não Dungou, NÃO DUNGA (NUNCA) MAIS!!!!!!!

 Porque em 2014 o técncio da seleção será o Polvo Paul e aí eu quero ver se alguém terá coragem de culpar este blog!!!!

Beijo para quem acompanhou o Copa na Veia!

Abraço para o Dunga, desejando uma boa aposentadoria para ele! Sai o anão e entra (tomara) o Polvo!

Adrilessa merecia o hexa!

2 Comentários

Arquivado em Vuvuzelos Surdos

Jaburanga!!!

Ela não tem noção do perigo… que passa em campo. Dizem as más linguas que ela virou a Copa ao avesso. Mas como eu não tenho medo de nada fui aos subterrâneos do futebol encontrar com a personagem mais temida do futebol no momento: a Jabulaaaaaaaani.

Tentei dominá-la e dei de canela. Mas a culpa é dela. Pô, ela é redonda! Mesmo assim ela me fez algumas revelações. Nada como a minha intimidade com a pelota, dos meus tempos de gandula.

Ninguém manda nela. Nem Messi, seu caso de amor mal resolvido. Sempre vive grudada aos pés do craque. Mas se recusa a dar para ele… o gol. Ela se faz de difícil. É puro doce. Seria castigo. De que? Não revela. Com jeitinho ela entra. Até o Palermo já conseguiu esse feito.

Ela fez de bobo o posudo Cristiano Ronaldo dentro da área para em seguida se oferecer toda para ser empurrada para o gol. Que cena! Ele até riu nervoso desse desdém.

Ela tem tanta personalidade que esnobou os ditos galãs italianos de futebol feio. Foram para casa sem ver a cor da bola e conseguiram a proeza de terminar atrás da Nova Zelândia (tinha até bancário de férias para jogar a Copa do Mundo). Isso é mais difícil do que ser campeão mundial. E é muito engraçado! Rolei de rir.

A Jabulani é tão petulante que deixou os arrogantes franceses de quatro humilhados e sem rumo. Parece que a seleção da França está exilada na Guiana Francesa.

Ela faz o que bem entende para quem não sabe nada. Por isso, os pernas de pau jamais entendem as suas vontades. Gosta de ser chamada de você pelos íntimos e para o resto Vossa Excelência.

Maltratada pela mulambada durante a maior parte do jogo corre aflita para a beira do campo em busca do fino trato de Maradona. Esses dois se entendem pelo olhar. Amor antigo. Ali relaxa.

Já dentro das quatro linhas vive estressada diante de tantas pixotadas. Isolada para as arquibancadas faz a festa dos torcedores. Nessas horas horrorosas ao menos esse prazer.

Defeitos? A Jabu (para poucos) diz ser perfeita. Essas críticas todas são feitas por recalcados. Afinal a bola sempre foi um problema para os perebas. Aos burocratas do futebol é indiferente.  Aos craques diz: “vem em mim que eu sou facinha.” Se faz de difícil para os goleiros. Finge que vai para um lado e vai para o outro. Só por puro capricho.  E jura que não é mulher de malandro, como o Felipe Sem Noção Melo a chamou.  Se apanha não volta. Contrariada reage com veemência: corre para longe.

Tudo mais o que é dito dela é maledicência pura. E no final o melhor jogador dessa Copa do Mundo vai ser a Jabulani contra a sua própria vontade. Será que conseguirá um contrato milionário em algum grande clube europeu?

Essa bola é famosa! Me dá um autógrafo? Assina que o gol é seu sem contestação.

Em 2014 vai se chamar Jaburanga… Liberta DJ!!!!

Agente 00171 é penetra profissional credenciado pela FIFA

Deixe um comentário

Arquivado em Jaburanga